Mudança: é esta a nossa grande constante aventura!

Posted By: admin on Jun 26, 2012 in Formação
images

Normalmente temos medo de tudo o que nos é demasiado novo e misterioso.

Ao mesmo tempo, também nos cansamos rápida e facilmente do tanto que nos é demasiado habitual e previsível, que já oferece pouca ou nenhuma novidade. E cá vamos nós caminhando entre estes dois pólos extremos.Como entender esta nossa forma humana de ser e estar? Mas, o que é que nos acontece, felizmente, desde que nos sabemos (re)encontrados e vivificados, pela nossa relação pessoal com Jesus Cristo, o Senhor da Vida? Aconteceu, acontece e acontecerá sempre… uma enorme, profunda e constante mudança vital.Se tudo continuar “na mesma”, é porque não O encontrámos ou, caso tenha acontecido, não jogámos a nossa vida em seus braços!

Esta mudança dá pelo nome de conversão e é a consequência e a regra da nossa vida nova. Tudo se faz novo e renovado! Podemos dizer que temos fé se caminhamos neste “caminhar” que é tão novo quanto desconhecido, só possível porque há um Amor que o suporta e capacita. A fé muda-nos e leva-nos ao que é novo e desconhecido, para fazermos a experiência de coisas que jamais alguém poderá ter pensado, apenas com os horizontes terrestres. Aqui o que importa e o que tem importância de registo é o que diz e testemunha a vida de todos os que escutam e acolhem Cristo e os outros que são tomados e reconhecidos como “irmãos”.

Assim sendo, além de não estarmos, nem caminharmos, na solidão, temos um rumo que nos levará mais longe, tornando-nos mais e melhores pessoas.A mudança, então, é uma realidade das mais permanentes da nossa condição de cristãos.

Um cristão é uma pessoa em permanente processo de mudança, só que esta é desejada e consentida, mesmo que seja, por vezes, dolorosa e incompreensível só com os olhos terrenos.

Queiramos ou não, “todo mundo é composto de mudança!”, no dizer de Camões!É bom que possamos testemunhar como essa relação se tornou bem significativa e também muito significante de toda a nossa história de vida, tanto pessoal como comunitária. A diferença, agora, é que é “por Cristo, com Cristo e ems Cristo” que nós queremos e podemos querer mudar, por desejo e opção. Uma mudança profunda e ambiciosa.

Nela e por ela tudo se transforma e ganha nova e divina dimensão. Até os nossos pecados! Que coisas bonitas e agradáveis temos, à luz da fé, para reconhecer e para agradecer permanentemente, e coisas feias e más, para, acolhendo-as e conhecendo-as, as podermos enfrentar e transformar!

Tudo isto é um comum a todos os que têm a graça de viver deste encontro pessoal com Jesus Ressuscitado, no dia a dia (que inclui as noites!). Ninguém fica igual nem na mesma. Foi assim quando Jesus andava pelas terras da Galileia e da Judeia, e é assim desde que a notícia de que está vivo e connosco, pela luz e pela força do Seu Espírito! Este encontro acontece quando Jesus surge “no meio de nós”, para que a nossa vida “rode” com ele no eixo! É por tudo isto que a Sua Presença é tão singular para cada um de nós e ao mesmo tempo nos dá a dimensão comunitária, necessária e indispensável.

Estas duas vertentes (pessoal e comunitária) provam que é um autêntico encontro de Fé cristã. Assim nos encontramos connosco mesmos e com os outros!

Tudo ganha outros horizontes! O “Eu” e “os outros” ficam com nova dimensão quando nos encontramos com o “totalmente outro” e mais íntimo a nós. Quem não vê as estas felizes mudanças a acontecer? E, como nos diz a Escritura, ainda não se manifestou o que havemos de ser quando formos tudo e todos em Cristo!

Que mudança!!!!

Padre José Luís Borga

Diocese de Santarém

leave a comment