Evangelizar pela Televisão

Posted By: admin on Jul 22, 2011 in Formação
ver-televisão-em-familia

Diante da grande quantidade de produções televisivas que não estão comprometidas com os valores humanos e éticos, faz-se necessário a existência de algo que faça a diferença.

Bento XVI, no seu discurso proferido a 30 de Abril, no palácio de Catel Gandolfo, em Itália, durante a audiência aos participantes na 17.ª assembleia de rádio da UER, afirmou que, “na sociedade de hoje estão em jogo valores de base para o bem da humanidade, e a opinião pública, em cuja formação o vosso trabalho tem muita importância, encontra-se muitas vezes desorientada e dividida”.

A TV Canção Nova, veio trazer a todos nós, uma nova dimensão da evangelização. Ela transformou, fez, e fará a diferença na vida de muitos de nós e de tantos que ainda irá atingir.

No dia-a-dia do trabalho que realizo na televisão Canção Nova, e que muitas vezes é tão limitado pelos meios técnicos e humanos que temos, vejo muitas vezes os milagres de Deus a acontecer. É nestes momentos que me dou conta do quanto sou esse “grão de mostarda” e do quanto tantas vezes apenas vejo o “joio” e me esqueço de ver o “trigo” que Deus faz acontecer por esse mundo fora.

Por vezes, ouço a insatisfação de uns e de outros, que queriam mais e melhor…nestes momentos, ouço com carinho e rezo por cada um, pois sei que no coração de cada um está a sede por Deus.

Todos queremos mais e melhor para Deus, mas mais do que o nosso querer é preciso saber escutar o querer de Deus, e muitas vezes a espera e os desafios de fazer a evangelização acontecer com os limites que temos, são o testemunho de vida que tantas vezes são esse meio eficaz de evangelização.

Evangelizar pela TV, era o desafio que menos esperava de Deus e no fundo do coração aquele que não escolheria, mas foi o que Deus me deu.

Por isso, a cada dia abraço esse desafio de evangelizar por um meio que começo a conhecer e assim também a amar; um meio em que acredito que aqui em Portugal ainda tem muito para dar, e peço a Deus esse dom de visão e lucidez do Papa Pio XI ao se dirigir a Guglielmo Marconi, para que o Estado da Cidade do Vaticano possuísse uma estação radiofónica com a melhor tecnologia disponível na época, mostrou ter uma visão bem alargada para o seu tempo, da direcção em que se desenvolvia a comunicação.

 

Sandra Dias,

Missionária da Comunidade Canção Nova, Portugal

 

 

leave a comment